quinta-feira, 12 de maio de 2016

Sesc Amazônia das Artes tem apresentação especial em Porto Velho

Foto: Divulgação
Desde o último sábado, o Sesc Amazônia das Artes traz diversão aos moradores da cidade de Ji-Paraná um sucesso contabilizando recorde de público, agora chegou a vez da população portovelhense prestigiar o projeto. Nos dias 13 e 14 de maio, às 20h, no Teatro 1 do Sesc Esplanada, acontecerá a apresentação musical “Traduções” e “Velhos caem do céu como canivete”. As sessões são gratuitas.

Para a noite desta sexta-feira (13), o show musical vindo do estado de Tocantins, “Traduções”, com o Grupo Irineu de Palmira & Banda. Um show que remete a um conjunto de traduções de vários aspectos e elementos do cotidiano, baseado na tentativa de tradução em um campo dado pela licença poética do artista. É uma apresentação que conta com um repertório autoral e com canções inéditas. Irineu é mineiro, nascido em Belo Horizonte e iniciou suas atividades no campo musical participando de vários festivais e eventos culturais em todo o estado de Minas Gerais, São Paulo e Paraná. Seu trabalho é dedicado à música popular brasileira, estilo musical que o levou a várias turnês pela Europa, Ásia e EUA. 

No sábado (14), chega a vez do grupo maranhense Pequena Companhia de Teatro, apresentar o espetáculo “Velhos caem do céu como canivete”, é inspirado no conto “Un señor muy viejo con unas alas enormes”, de Gabriel García Márquez. Fala a história de um catador de lixo que tenta sobreviver à miséria que assola sua família e vê sua rotina mudar com a queda de um ser alado em seu quintal. O espanto inicial dá lugar à necessidade de identificar o estranho ser, gerando um permanente questionamento quanto à definição do ser alado. Seria um anjo? Um frango? Um delírio provocado pela fome? O exílio forçoso de um e a miséria do outro pontuam a trama que apresenta um cenário pós-apocalíptico permeado de desesperança. O espetáculo é indicado a maiores de 12 anos. 

O projeto promove a circulação e o intercâmbio de espetáculos e exposições dos estados que compõem a Amazônia Legal. Desta forma, recebem paralelamente a mostra os estados do Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins. Este ano pela primeira vez a Mostra foi sediada no município de Ji-paraná, onde boa parte da programação foi realizada. “A ideia é ampliar os serviços do Sesc em todo o estado de Rondônia e desenvolver cada vez mais nossa programação em outros municípios” explica Raniery Araujo Coelho, presidente do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac-IFPE.

Ascom Sesc

segunda-feira, 9 de maio de 2016

Baile da Saudade terá decoração sustentável este ano

Foto: Taiguara Maia 
Os preparativos para a 30ª edição, do tradicional Baile da Saudade do Sesc está a pleno vapor. A festa será realizada no dia 12 de maio no Sesc Esplanada a partir das 14h30. Cerca de quatrocentos integrantes do Grupo da 3ª Idade do Sesc, familiares e convidados irão participar. 

A exemplo dos anos anteriores, o Baile da Saudade ganhará uma temática especial, o “Country”, onde idosas participarão de desfiles vestidas a caráter e o que vale é a criatividade na elaboração da fantasia. Outro diferencial do baile será a decoração que será feita com material reciclado confeccionado pelas próprias integrantes do grupo que terá tudo a ver com a temática.  Durante a programação haverá também apresentações culturais, homenagens, sorteio de brindes, distribuição de lanche tudo ao som de uma boa música.

O baile da saudade é uma atividade realizada anualmente, ocasião em que os idosos do grupo da terceira idade têm a oportunidade de interação entre si e seus familiares que são especialmente convidados para este evento. O baile também comemora o dia das mães e é desenvolvido estrategicamente no mês de maio como forma de homenagear as integrantes, pois o público em sua grande maioria é feminino, mães, avós e algumas até mesmo bisavós. “A proposta das nossas instituições é proporcionar atividades em diferentes segmentos, sejam elas culturais, esportivas, de entretenimento e educativas, pois o objetivo principal é proporcionar a esses idosos, qualidade de vida, bem-estar social e emocional”. Explica Raniery Araújo Coelho, Presidente do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac-IFPE.

Ascom Sesc 

Postagens populares (5 mais recentes)