quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Sonora Brasil traz a Rondônia os concertos “Sonoros Ofícios – Cantos de Trabalho”

Sonora Brasil chega a sua 18ª Edição realizando cerca de 480 concertos pelo Brasil, consagrando-se como um dos maiores projetos de circulação musical brasileira. Rondônia também tem o privilégio de estar  no circuito deste projeto no período de 14 a 18 de agosto, O Sistema Fecomércio – Sesc – Senac - IFPE irá realizar apresentações de quatro grupos que  formado por músicos apresentam repertório fundamentado em pesquisas na vertente  da temática do projeto Sonora Brasil, “Sonoros Ofícios – Cantos de Trabalho”, que tem a proposta de apresentar o canto como expressão musical relacionada às atividades laborais, fato social presente na cultura brasileira, tanto no ambiente rural quanto no urbano, com registros que confirmam a sua existência já no século 18. Na maioria das vezes uma prática coletiva, os cantos de trabalho podem cumprir funções diferenciadas, de acordo com as características do trabalho ao qual estão relacionados e com os determinantes culturais e sociais de cada região ou localidade.

O grupo alagoense Destaladeiras de Fumo de Arapiraca, irá trabalhar canções tradicionalmente entoadas na rotina laboral da destalação, cantigas de barreiro e tapagens de casa, os rojões de eito entoados nas tarefas da roça e o pagode, entre outras. O grupo é formado por Josefa Correia Lima dos Santos, Isabel Cipriano dos Santos, Regineide Rosa dos Santos, Rosália Gomes dos Santos e Rosinalva Farias dos Santos, além de Mestre Nelson Rosa. O grupo Cantadeiras do Sisal e Aboiadores de Valente da Bahia tem um repertório formado por cantigas conhecidas desde a infância e outras de uma memória mais recente que tratam de questões cotidianas e fazem alusão a particularidades da produção sisaleira. O grupo é formado por Izabel, Alda, Ivamarcia, Carminha, Marisvalda e Cássia. Quebradeiras de Coco Babaçu grupo oriundo do Maranhão é formado por oito mulheres que trabalham na quebra do coco babaçu desde a infância, Dora, Moça, Silena, Nice, Dijé, Iracema, Francisca Lera e Nonata, irão apresentar um repertório embasado na luta política que retratam assuntos relacionados à valorização do trabalho, da mulher, dos direitos das minorias, da luta pelo acesso aos babaçuais que estão localizados em grandes latifúndios. E encerrando o Grupo Ilumiara de Minas Gerais que interpreta vissungos, cantigas de ninar, canto de lavadeiras, entre outros, em arranjos elaborados a partir de uma visão estética contemporânea. O Ilumiara é formado por Alexandre Gloor, Carlinhos Ferreira, Leandro César, Letícia Bertelli e Marcela Bertelli, formado por músicos pesquisadores, apresenta repertório recolhido em pesquisas.

Confira a programação a entrada é gratuita.
Porto Velho -  Teatro 1 - Sesc Esplanada, às 20h
Data: 13/08 – Ilumiara (MG);
Data: 14/08 – Cantadeiras do Sisal e Aboiadores de Valente (BA);
Data: 15/08 – Quebradeiras de Coco Babaçu (MA);
Data: 16/08 – Destaladeiras de Fumo de Arapiraca (AL).

Ji-Paraná - no Teatro Dominguinhos, às 19h30

Data: 15/08 – Ilumiara (MG);
Data: 16/08 – Cantadeiras do Sisal e Aboiadores de Valente (BA);
Data: 17/08 – Quebradeiras de Coco Babaçu (MA);

Data: 18/08 – Destaladeiras de Fumo de Arapiraca (AL). 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O blog do Sesc Rondônia tem por prioridade divulgar as ações e processos da instituição dando respostas a respeito da programação de eventos e outros, não sendo o canal administrativo para o recebimento de reclamações oficiais, reservando-se ao direito de não publicar mensagens que em sua essência contenham mensagens de cunho injurioso ou com linguagem depreciativa. Os usuários ou outros que desejarem fazer reclamações formais ao Sesc poderão entrar em contato com a administração regional em Porto Velho/RO e encaminhar suas considerações.

Postagens populares (5 mais recentes)