terça-feira, 23 de setembro de 2014

Última semana do Festival Palco Giratório


Desde o dia 31 de agosto o Sistema Fecomércio Rondônia, através do Sesc promove uma diversidade de espetáculos dentro do Festival Palco Giratório. O mês de setembro já se tornou referência como o mês que o teatro invade Rondônia. As apresentações incluem dança, teatro, circo. São grupos de vários estados brasileiros que apresentam em Rondônia a variedade de talentos que o país possui.

Nesta segunda-feira dois espetáculos demonstraram a riqueza cultural de nosso país. No Tapiri – O Imaginário foi apresentado Louça Cinderella, da Cia Gente Falante (RS) em duas sessões e no Teatro 1 do Sesc Esplanada o grupo rondoniense Boi de Piranha apresentou “Boi de Piranha”.
 
Louça Cinderella - Cia. Gente Falante
Foto: Leonardo Valério
Louça Cinderella apresenta o clássico dos irmãos Grimm de uma maneira lúdica. A Cia Gente Falante utiliza o teatro de objetos para contar a história da Gata Borralheira, uma dos mais conhecidos dos contos de fada. A apresentação encanta a todos, pois propõe a redescoberta das brincadeiras, da utilização de objetos para representação de histórias e acionam a imaginação de crianças e adultos. que
 
Louça Cinderella - Cia Gente Falante
Foto: Leonardo Valério
Em bate papo realizado após a apresentação, Paulo Martins Fontes e Eduardo Custódio explicam que o espetáculo é fruto de uma pesquisa de dez anos sobre animação e que o objetivo é resgatar essa forma de diálogo através das brincadeiras com a utilização de objetos.  
 
Boi de Piranha, grupo Boi de Piranha (RO)
“Boi de Piranha” aborda a chegada do nordestino a Rondônia para extração da Borracha. O chamado “ouro branco” atraiu muitas famílias que se sacrificaram e não tiveram o retorno prometido. Com texto e direção de Francis Madison, os atores Eules Lycaon, Gisele Stering e Ana Paula Venâncio contam essa história de luta e emocionam a plateia para um passado recente, onde muitos “soldados da borracha” ainda trazem as marcas desse trabalho.
 
Boi de Piranha, grupo Boi de Piranha (RO)
Foto: Leonardo Valério
O funcionário público Mário Ganarra vem acompanhando as últimas apresentações do Festival e diz que está achando interessante pela diversidade e pelos atores de outros estados. Roberto Carvalho, professor e funcionário público também aprovou. “Achei muito interessante, você tem vários espetáculos. Eu acho que é um público diversificado que está vindo todo dia. Estão tendo peças de tipos e diversas oficinas. Acho que o público artístico e o público que aprecia cultura em geral está muito satisfeito com esse trabalho”.

Uma flor de dama
Hoje o Coletivo Artístico as Travestidas (CE) apresenta "Uma flor de dama". Uma noite na vida de uma travesti: momento em que entra no camarim e se prepara para fazer um show até ir às ruas prostituir-se. No fim da noite, sentada no bar tomando a última e quente cerveja, fala sobre sua vida, suas escolhas, seus amores, seus desejos, seu ódio. A vida dessa personagem, criada a partir de uma pesquisa de campo traz à cena questões como HIV, política, preconceito, e, especialmente as escolhas que a vida dos oferece (ou das quais nos priva).
Uma flor de dama - Coletivo Artístico as Travestidas (CE)

Programação
Data: 23/09
Oficina: Iluminação Cênica
Grupo: Alfândega 88 (RJ)
Local: Tapiri - O Imaginário - Rua Franklin Tavares, 1349 Bairro Pedrinhas
Hora: 09h às 12h e 14h às 17h

Data: 23/09
Espetáculo: Uma Flor de Dama (Teatro adulto)
Grupo: Coletivo Artístico As Travestidas (CE)
Local: Teatro 1 Sesc – Av. Pres. Dutra, 4175 - Olaria
Hora: 20h
Duração: 50 minutos
Classificação: 18 anos

Data: 24/09
Espetáculo: Labirinto (Teatro adulto)
Grupo: Alfândega 88 (RJ)
Local: Teatro 1 Sesc – Av. Pres. Dutra, 4175 - Olaria
Hora: 20h
Duração: 90 minutos
Classificação: 14 anos

A programação do Palco Giratório continua até o dia 28 de setembro, com entrada gratuita. A retirada de ingressos tem início uma hora antes do espetáculo.


Acompanhe também pelo Facebook (https://www.facebook.com/palcogiratorioro) e Instagram (@sescro).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O blog do Sesc Rondônia tem por prioridade divulgar as ações e processos da instituição dando respostas a respeito da programação de eventos e outros, não sendo o canal administrativo para o recebimento de reclamações oficiais, reservando-se ao direito de não publicar mensagens que em sua essência contenham mensagens de cunho injurioso ou com linguagem depreciativa. Os usuários ou outros que desejarem fazer reclamações formais ao Sesc poderão entrar em contato com a administração regional em Porto Velho/RO e encaminhar suas considerações.

Postagens populares (5 mais recentes)