sexta-feira, 19 de setembro de 2014

Bailarina Angel Vianna apresenta espetáculo e participa do Pensamento Giratório nesta sexta

"Qualquer coisa a gente muda" é destaque na programação do Palco Giratório nesta sexta e sábado no Teatro 1 do Sesc Esplanada. O espetáculo traz a bailarina Angel Vianna, homenageada deste ano do Festival. 
"Qualquer coisa a gente inventa" com Angel Vianna e Maria Alice Poppe (RJ)

As bailarinas Angel Vianna e Maria Alice Poppe (RJ) apresentam um experimento coreográfico que celebra os 85 anos de Angel Vianna, dos quais 66 dedicados inteiramente à dança. A supressão é o que motiva a encenação. Esses atos de substituição formam uma narrativa construída pelo encontro entre o público e a atenção de Angel Vianna sobre o espaço cênico, sua sensibilidade, seus gestos e suas intenções. Em justaposição, a bailarina Maria Alice Poppe introduz uma dança que acrescenta volume e expansão a cena e propõe uma organização sequencial acionada pela memória imediata, um cardápio de possibilidades impulsionado pela atenção à movimentação que é construída passo a passo.

Angel está na plateia, só, o pública entra pelo acesso ao palco, as cortinas estão fechadas e eles se deparam com uma mulher, uma mesa mineira e uma cadeira. Em um certo momento as cortinas são abertas e o público encontra Angel sentada nas últimas fileiras da plateia, que está toda iluminada; ela se levanta e dirige-se para a primeira fila e observa o público ocupar seu lugar habitual .


Pensamento Giratório
Após a apresentação do espetáculo "Qualquer coisa a gente muda" acontece o debate "Pensamento Giratório" com a bailarina Angel Vianna, homenageada deste ano, onde o público é convidado a participar e a conhecer o processo criativo dos espetáculos juntamente com os artistas. Um intercâmbio entre os grupos e a plateia na troca de experiências que amplia as possibilidades de pesquisa para a execução de projetos em artes cênicas.

Espetáculos
Nesta quinta-feira (18) o grupo Magiluth (PE) apresentou “Aquilo que meu olhar guardou para você”, um mosaico com histórias cotidianas ambientadas em Porto Velho. O grupo realiza uma junção entre ficção e realidade e insere o público dentro do espetáculo o que tornando a apresentação um ambiente único em que plateia e artistas se confundem em cena.
 
"Aquilo que meu olhar guardou para você" com o grupo Magiluth (PE)
Foto: Leonardo Valério
“Aquilo que meu olhar guardou para você” foi criado há aproximadamente dois anos e surgiu do intercâmbio com um grupo de Brasília. Através do registro fotográfico são implementadas cenas e características da cidade. Em cena a discussão de sentimentos com o publico, inserindo e impactando a plateia. Com aproximadamente 120 apresentações o espetáculo traz reflexões importantes que fazem parte das escolhas de cada individuo. Saudade, despedidas, amores perdidos, amores encontrados, homossexualismo, indiferença, morte, tudo é discutido num ritmo frenético onde alegrias e tristezas se misturam.
 
"Aquilo que meu olhar guardou para você" com o grupo Magiluth (PE)
Foto: Leonardo Valério
Uma das características das duas apresentações do Magiluth foi o improviso em cena. Para o diretor do espetáculo, Luiz Fernando Marques, é muito importante essa aproximação entre artista e espectador. “Não nos interessa representar e sim presenciar. A gente quer a presença, a troca e a comunhão com o público”, explicou o grupo durante o bate papo realizado após o espetáculo. Para quem quiser conhecer mais sobre o grupo é só acessar o blog http://grupomagiluth.blogspot.com.br/


Oficinas
Nesta sexta e sábado continua a programação de oficinas realizadas durante a programação do Festival Palco Giratório. Neste final de semana o grupo Cia Pessoal de Teatro (MT) ministra a oficina "Dramaturgia da Cena". Recuperando o sentido da palavra dramaturgia, que etimologicamente significa “trabalho em ação”, a oficina trabalha com o mapeamento de emoções, sentimentos, ideias e pensamentos na ação, sendo esta o próprio pensamento/corpo/cena.
Oficina de "Dramaturgia da Cena" (MT)
Foto: Eliane Viana


Programação para sexta e sábado
Data: 19/09 e 20/09
Oficina: Dramaturgia da cena
Grupo: Cia Pessoal de Teatro (MT)
Local: Tapiri - O Imaginário - Rua Franklin Tavares, 1349 Bairro Pedrinhas
Hora: 08h às 12h

Data: 19/09 e 20/09
Espetáculo: Qualquer Coisa a Gente Muda (Dança)
Grupo: Angel Vianna e Maria Alice Poppe (RJ)
Local: Teatro 1 Sesc - Av. Pres. Dutra 4175 – Porto Velho/RO
Hora: 20h
Duração: 50 minutos
Classificação: Livre

Data: 19/09
Pensamento Giratório com Angel Viana (RJ)
Local: Teatro 1 - Sesc - Av. Pres. Dutra 4175 – Porto Velho/RO
Hora: Após o espetáculo “Qualquer coisa a gente muda”


A programação do Palco Giratório continua até o dia 28 de setembro, com entrada gratuita. A retirada de ingressos tem início uma hora antes do espetáculo.

Acompanhe também pelo Facebook (https://www.facebook.com/palcogiratorioro) e Instagram (@sescro).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O blog do Sesc Rondônia tem por prioridade divulgar as ações e processos da instituição dando respostas a respeito da programação de eventos e outros, não sendo o canal administrativo para o recebimento de reclamações oficiais, reservando-se ao direito de não publicar mensagens que em sua essência contenham mensagens de cunho injurioso ou com linguagem depreciativa. Os usuários ou outros que desejarem fazer reclamações formais ao Sesc poderão entrar em contato com a administração regional em Porto Velho/RO e encaminhar suas considerações.

Postagens populares (5 mais recentes)