quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Palco Giratório: Atividades artísticas paralelas às peças iniciam hoje



Em sua primeira semana, o Festival Palco Giratório já apresentou para a população porto-velhense peças teatrais e oficinas para artistas. Nesta quinta-feira (5), inicia mais uma parte da programação, as intervenções urbanas. 

Quem inicia esta atividade é o Coletivo Construções Compartilhadas (BA) com a intervenção Pingos & Pigmentos, a partir das 17h, com ponto de partida na Igreja São Tiago Maior, na Avenida José Amador dos Reis, Zona Leste de Porto Velho. O grupo convida a população para participar da ação, indo ao local com seu guarda-chuva e participando do movimento.

A ação consiste em pontilhar, saturar e dissolver. Em uma brecha no meio do dia, guarda-chuvas de cor vibrante corrompem a paisagem. Pontilhismos que invadem a retina, indisciplinam o olhar e provocam o cotidiano em seu matiz habitual.

Pingos & Pigmentos integra o fazer artístico denominado Poéticas de Multidão, que conjuga atividades d formação, criação, e apreciação estética.Já na sexta-feira (6), o ator porto-velhense Mahamoud Baydon, faz a intervenção PVHOOL, às 12h, na Praça Jonatas Pedrosa. Esta ação é uma crítica ao capitalismo e a neurose da sociedade.

Subestações

*Realizadas na área de convivência do Sesc, às 23h
7/9 – Pássaro fora do ar – Cláudio Zarco (RO)
8/9 – O alfaiate de livros – Otávio Bastos (PE)
9/9 – Há flores e ferro – Thálisson Lopes (RO)
10/9 – Núcleo de pesquisa em artes cênicas Sesc (RO)
11/9 - Núcleo de pesquisa em artes cênicas Sesc (RO), Banzo – Celso Gayoso (RO)
12/9 - Núcleo de pesquisa em artes cênicas Sesc (RO)
13/9 – Kambalu – Grupo Nu Escuru (GO)
14/9 – Almawt – Mahamoud Baydoun e Cecília Oliveira (RO)

                 Clique na imagem para ampliar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O blog do Sesc Rondônia tem por prioridade divulgar as ações e processos da instituição dando respostas a respeito da programação de eventos e outros, não sendo o canal administrativo para o recebimento de reclamações oficiais, reservando-se ao direito de não publicar mensagens que em sua essência contenham mensagens de cunho injurioso ou com linguagem depreciativa. Os usuários ou outros que desejarem fazer reclamações formais ao Sesc poderão entrar em contato com a administração regional em Porto Velho/RO e encaminhar suas considerações.

Postagens populares (5 mais recentes)