sexta-feira, 25 de maio de 2012

Inquisição em cena


 Teatro em Cartaz apresenta espetáculo reconhecido pela ONU e pelo Fórum Mundial de Cultura

Estreia no sábado (2), às 20h30, no Teatro 1 do SESC Esplanada, o espetáculo “O Julgamento de Branca Dias”, dirigido pelo produtor e ator Evaldo Leão.
O espetáculo foi o segundo em recorde de público em Rondônia e o único citado no Fórum Mundial de Cultura  e na Organização das Nações Unidas (ONU).

A peça foi fundamentada a partir da leitura da obra de Dias Gomes, “Santo Inquérito”, e narra a história de uma jovem portuguesa que sofreu inquisição no Brasil no século XVI. Sua transgressão foi se apaixonar por um Padre após salvá-lo de um afogamento em um Rio.

De acordo com o diretor Evaldo Leão o objetivo da trama é despertar no público, através de uma narrativa do Brasil colônia, uma maior reflexão sobre os problemas sociais atuais, como a prática do bullying, a violência contra a mulher e o dogmatismo religioso.

O Julgamento de Branca Dias compõe o calendário de apresentações do projeto Teatro em Cartaz do SESC Rondônia. Os ingressos custam R$20 inteira e R$10 meia entrada para estudantes, idosos e comerciários (com a carteirinha do SESC atualizada). A classificação indicativa é a partir dos 12 anos.

“O projeto Teatro em Cartaz, além de apresentar os espetáculos de outros estados para Rondônia, impulsiona os artistas e as produções artísticas de nossa região”, ultimou o presidente do Sistema Fecomércio-SESC-SENAC, Raniery Coelho. 


Mais informações
Seção de Divulgação SESC Rondônia
Jornalista responsável: Alessandra Curado DRT 2769/GO
Estagiário de Comunicação: Gustavo Ieladian
Contato: (69) 3229-5882 (ramal 208)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O blog do Sesc Rondônia tem por prioridade divulgar as ações e processos da instituição dando respostas a respeito da programação de eventos e outros, não sendo o canal administrativo para o recebimento de reclamações oficiais, reservando-se ao direito de não publicar mensagens que em sua essência contenham mensagens de cunho injurioso ou com linguagem depreciativa. Os usuários ou outros que desejarem fazer reclamações formais ao Sesc poderão entrar em contato com a administração regional em Porto Velho/RO e encaminhar suas considerações.

Postagens populares (5 mais recentes)